Follow by Email

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Bispo evangélico preso sob acusação de abuso de menores de idade em sua própria casa

Bispo preso por suspeita de estupros em Paulínia aliciava garotos pela web, diz polícia

Ele cometia atos sexuais com menores de idade na própria casa, segundo investigação. Homem já havia sido indiciado por ameaçar ex-mulher. Defesa diz que bispo nega acusações.



Por Patrícia Teixeira, G1 Campinas e Região


02/08/2017 12h41  Atualizado 02/08/2017 15h59


O bispo evangélico Reinaldo Silvério foi preso preventivamente nesta terça-feira (1º) em Paulínia (SP) suspeito de estupro de vulnerável. Um inquérito foi instaurado em março deste ano após denúncia da mãe de uma vítima à Polícia Civil. O religioso nega a acusação.

De acordo com a polícia, Silvério costumava ficar amigo das famílias para ganhar a confiança das vítimas. Ele é bispo da Igreja Boas Novas de Cristo e teria se relacionado com um garoto, na época menor de idade, e com uma menina de 12 anos.

A polícia acredita que o bispo possa ter feito mais vítimas. Saya Barreiro, advogada de Silvério, informa que o cliente alega inocência e que irá analisar o processo para depois detalhar a estratégia de defesa. O bispo será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de Sorocaba (SP).



Bispo Reinaldo Silvério, preso preventivamente em Paulínia (SP) por estupro de vulnerável (Foto: Reprodução/Facebook)

Nenhum comentário:

Postar um comentário